PAISAGENS CULTURAIS DO ALGARVE -DECLARAÇÃO APROVADA POR UNANIMIDADE PELA CÂMARA MUNICIPAL DE TAVIRA

Na reunião da Câmara Municipal de Tavira realizada a 20 de Setembro de 2016 foi aprovado por unanimidade a “Declaração sobre a Preservação e Valorização das Paisagens Culturais do Algarve” de 18 de Maio.
 
Esta declaração resulta dos trabalhos do seminário “Paisagens Culturais e Dieta Mediterrânica”, realizado em Tavira a 18 de Maio de 2016, Dia Internacional dos Museus, o qual contou com a presença de uma centena de representantes institucionais e de muitos especialistas, reflectindo a posição conjunta de Instituições Públicas e privadas, dezenas de investigadores, museólogos, docentes, técnicos, dirigentes associativos e cidadãos.
 
Portugal e em particular Tavira, como comunidade representativa do País, têm obrigações jurídicas de adopção de práticas da salvaguarda da Dieta Mediterrânica inscrita pela UNESCO como Património Cultural Imaterial da Humanidade, das quais fazem também parte a protecção e valorização das produções que caracterizam as paisagens algarvias, como marcadores de identidade da região e do estilo de vida transmitido através de muitas gerações e que chegou aos dias de hoje.
 
As paisagens culturais e as produções que lhe estão associadas possuem não apenas importância estética e simbólica, são uma importante alavanca da economia regional e da sustentabilidade dos territórios, nomeadamente pela valorização dos ecossistemas e dos produtos endógenos, pela promoção do turismo cultural e de natureza, do agroturismo e das festividades tradicionais.   
 
A declaração, anexa a esta informação, propõe e sugere um conjunto de importantes medidas de âmbito legislativo, programático e de acção com vista à preservação da Dieta Mediterrânica.     
 
Para além da Câmara Municipal de Tavira subescreveram este documento diversas Instituições Públicas representativas do Algarve, entidades privadas e largas dezenas de cidadãos. 
 
O documento está à disposição de todas as entidades e dos cidadãos que o quiserem subescrever bastando para isso enviar através de correio electrónico a manifestação da vontade de adesão para paisagensculturaisdeclaracao@cm-tavira.pt acompanhado dos elementos identificativos da entidade colectiva ou singular apoiante.
 
Fonte: Municipio de Tavira